Archive for September, 2009

meu diário-fragmentos

Posted in Uncategorized on September 21, 2009 by rafarelax

Em 27/10/2003, então com 16 anos eu escrevi em meu diário “…Mesmo que você tenha flhos, o mais importante é ter quem a ama de verdade ao lado. Alguém que viva para você, em perfeita harmonia, com brigas saudáveis para ter alegria do perdão  e alguém qe veja em você a pessoa certa. Que ele quer e -ainda queria ficar ao lado pro resto da vida. Ah, talvez isso não exista, mas eu quero acreditar nisso,pelo menos hoje”. Hoje, 6 anos após ter escrito essa belas palavras, percebi que era muito mais feliz naquela época em que eu ainda sonhava com a pureza e verdade nas coisas, dos sentimentos e não sabia então das tamanhas emoções que eu viria a possuir algum tempo depois… e da tamanha dor que eu sentiria após perder o primeiro grande amor da minha vida…e o segundo…e o pior, hoje, ver que já vivi o que eu sonhara e que simplismente, não acredito mais…hoje não.

 

ouvindo : the animals were gone  do damien rice

Advertisements

o último verso dele

Posted in Poemas on September 1, 2009 by rafarelax

florbela espanca

“quem diria que um dia eu cairia por uma menina de cabelos vermelhos. da minha pele debaixo das tuas unhas ao respingo de sangue na parede eu me sinto hoje parte de ti. você é minha obra de arte, moldada ao meu modo e eu pigmalião, me apaixonei pelo que esculpi. você é minha versão mais gostosa, minha coelha. não há tempo ou distância que nos separem. somos um, pro eterno.”

Adorei essas linhas, devo confessar. Pelo menos as palavras são imortais e sobrevivem à distância,  indiferença e à dor. Triste mesmo é o ser poético ser tão distante do ser real. E eu  cansei. Dos dois, de nós dois.